CONFIRA O PROGRAMA BOM GESTOR PÚBLICO SOBRE ESSE PROJETO:

 

Aprender Digital atende alunos de 7 a 10 anos da rede municipal de ensino com computadores adaptados e uma equipe pedagógica para auxiliar nas atividades escolares

Promover a inclusão efetiva de pessoas com deficiência vai muito além de oferecer acessibilidade em prédios e calçadas. É garantir também que elas tenham acesso às mesmas oportunidades, desde a infância até a vida adulta. Pensando nisso, a Prefeitura de Cascavel, no Oeste do Paraná, desenvolveu o projeto Aprender Digital, que atende crianças com deficiência de 7 a 10 anos da rede municipal de ensino.

Prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos da Silva, recebe o Certificado de Reconhecimento pelo projeto Aprender Digital

A iniciativa surgiu da necessidade de implementar na rede municipal recursos da Tecnologia Assistiva (que visa proporcionar à pessoa com deficiência maior independência, qualidade de vida e inclusão social por meio de ferramentas que possibilitam a ampliação de sua comunicação, mobilidade, entre outros). O público alvo do projeto são alunos com dificuldades de coordenação motora fina, sem controle motor para estabelecer a escrita ou que não apresentam comunicação verbal e necessitam de comunicação alternativa para auxiliar suas atividades escolares.

Foram adquiridos computadores com tela touch screen para realização de atividades elaboradas pela equipe do projeto e adaptadas de acordo com as necessidades de cada criança. Para implementação do projeto, que teve início em 2018, a gestão municipal realizou uma série de estudos e um processo licitatório para compra dos equipamentos. Uma equipe, composta por terapeuta ocupacional, coordenadoras pedagógicas e um instrutor de informática, foi formada para auxiliar os professores com as atividades e adaptações necessárias para atender os alunos.

O projeto trouxe um subsídio a mais para os professores desenvolverem o trabalho com os alunos, auxiliando-os em sala de aula. Os estudantes atendidos com os computadores apresentaram um melhor desempenho pedagógico e mais autonomia no seu dia a dia. Os bons resultados garantiram ao projeto o Certificado de Reconhecimento do Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR) 2019, uma das premiações mais importantes desse segmento do país.

Mais informações sobre esse projeto e sobre outras iniciativas premiadas no PGP-PR, você encontra no nosso Banco de Projetos.

Relacionados

15 DE JANEIRO DE 2021

Curitiba promove a participação popular nas decisões do orçamento

Fala Curitiba: Programa de Consulta Pública Municipal inovou no atendimento à...

8 DE JANEIRO DE 2021

Colombo gera renda, melhora o meio ambiente e a saúde de moradores

Coleta Verde realiza a troca de materiais recicláveis por hortaliças produzidas por...

18 DE DEZEMBRO DE 2020

Colombo proporciona que moradores participem de decisões da saúde

Participação Popular no Planejamento Municipal de Saúde fez com que a população...

4 DE DEZEMBRO DE 2020

Maringá promove participação de startups na solução de problemas

Edital de Inovação Para Fomento de Startups estimula o desenvolvimento de ideias...

27 DE NOVEMBRO DE 2020

Apucarana oferece residência médica em dermatologia e zera fila de consultas na área

Ambulatório de Especialidades Dermatológicas resolveu o problema da falta de...

20 DE NOVEMBRO DE 2020

Guaratuba combate vulnerabilidade social oferecendo aulas no contraturno

Porto Seguro oferece atividades diferenciadas nas áreas de esporte, artes, cultura e...