Com a chegada da pandemia do coronavírus, as relações sociais tiveram que ser alteradas. Tanto o setor público quanto o privado tiveram que se adaptar ao novo cenário. Para falar sobre inovação em tempos de crise, entrevistamos o diretor-presidente da Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar), Leandro Victorino de Moura.

PGP-PR: Que adaptações foram feitas no trabalho da Celepar neste período da pandemia?

Leandro Moura: Logo que iniciaram os primeiros casos da Covid-19 no Brasil, nos reunimos em um comitê gestor, com diretores, gerentes de recursos humanos, medicina do trabalho, comunicação e desenhamos as primeiras estratégias. Quando de fato o novo coronavírus chegou no Paraná e saiu o primeiro decreto do governador, publicamos regulamentos internos orientando as atividades dentro da Celepar e, em pouco tempo, 95% dos colaboradores entraram em regime de trabalho remoto. O desafio foi imenso, haja vista que temos mais de mil colaboradores, distribuídos além de Curitiba em outros dez municípios de nosso Estado, e os resultados desse trabalho remoto tem sido muito satisfatórios.

PGP-PR: Qual a importância da inovação no setor público durante esse período de crise/pandemia?

Leandro Moura: Como eu sempre costumo falar, a tecnologia sempre esteve presente, mas as pessoas não estavam tendo acesso e muitos gestores não estavam colocando toda a capacidade dessa tecnologia a serviço do cidadão. Com a pandemia, os gestores se viram obrigados a acelerar a difusão dessa tecnologia nos municípios, oferecendo serviços digitais que facilitam a vida do cidadão, possibilitando, por exemplo, que tenham consulta médica e de psicólogos sem a necessidade de deslocamento. Eu brinco que se fala bastante da Indústria 4.0, agora devido a esta pandemia em conjunto com a necessidade de utilizar a tecnologia em meio ao distanciamento social, estamos formando o cidadão 4.0. Muitas reuniões presenciais já não acontecem com tanta frequência. Hoje ligamos o computador, ajeitamos a câmera e em poucos minutos estamos conversando com diversos setores, sem os gastos de deslocamento e com uma economia enorme de tempo. A tecnologia, antes restrita a um pequeno grupo, ficou um pouco mais democrática, mas ainda temos um longo caminho a percorrer para que de fato a tecnologia seja universal. Nesse cenário quero destacar uma iniciativa, o TechAjuda Celepar, que é um canal onde todo cidadão pode tirar dúvidas relacionadas à tecnologia, basta enviar uma mensagem no nosso WhatsApp (41) 99124-2342 ou pelo link wa.me/5541991242342, que um dos mais de 30 colaboradores vão responder e tirar as dúvidas, que vão desde como acessar os serviços digitais para conseguir o auxílio emergencial, como a instalação e uso de aplicativos como o Paraná Solidário ou dúvida sobre o uso geral do smartphone e acessar páginas com serviços do governo.

PGP-PR: Que serviços são oferecidos aos gestores municipais? Algum deles surgiu por causa da pandemia?

Leandro Moura: A Celepar oferece suporte tecnológico aos gestores municipais. Temos sistemas para VoIP, agendamento de atendimento pela internet, doação de sangue, sistemas de ouvidoria, e-mail e gestão de medicamentos de uso especial.
Hoje nosso carro chefe está na integração das guardas municipais, o videomonitoramento centralizado na Polícia Militar do Paraná e o Sistema de Gestão Eletrônica de Processo de Infração de Trânsito (GEPROC), que permite ao município a automatização completa das infrações de trânsito nos municípios que gerenciam seu trânsito. Além disso, o Paraná Inteligência Artificial (PIÁ), sistema que desburocratiza a prestação dos serviços públicos do Estado, simplifica e facilita a vida do cidadão paranaense, recebeu no ano passado o Prêmio Excelência em Governo Eletrônico, que possibilita ao cidadão de qualquer lugar, acessar mais de 400 serviços disponíveis na plataforma.
Durante a pandemia os gestores municipais tiveram bastante interesse na telemedicina e atendimento pela internet para os serviços municipais, evitando deslocamentos presenciais, além de proporcionar sustentabilidade, ao eliminarmos o uso de papel.

PGP-PR: E quanto aos cidadãos, como eles têm acesso ao que é feito pela Celepar?

Leandro Moura: Em questão de semanas foi realizada uma força tarefa a pedido do governador, que reuniu, em uma mesma mesa de trabalho, os secretários de Estado, a Celepar e outros órgãos do governo, para encontrar soluções que possibilitasse aos serviços públicos do estado continuarem funcionando, respeitando as novas normas de isolamento social e de aglomeração. Por exemplo: a doação de sangue passou a ser agendada, mais de um milhão de alunos da rede estadual de ensino estão tendo aulas à distância pela televisão e com suporte de aplicativo, as pessoas que têm sintomas podem acessar o Telemedicina Paraná, onde serão atendidos por psicólogos, médicos e bolsistas. Temos também uma plataforma de inteligência artificial, que é pioneira no Brasil, o Paraná Inteligência Artificial (PIÁ) e que oferece ao cidadão mais de 400 serviços, sem necessidade de enfrentar filas e aglomeração.

A Celepar é uma das apoiadoras do Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR), realizado pelo Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná (Sindafep). “Nossa parceria com o Prêmio Gestor Público vêm desde a sua concepção. Continuamos juntos nessa caminhada para premiar ideias inovadoras que impactem positivamente à nossa sociedade paranaense, pois acreditamos que conseguimos transformá-las em soluções que auxiliam os gestores públicos para melhorar a vida do nosso cidadão”, afirma Moura.

Com o tema Empreendedorismo, a edição de 2020 busca projetos que primam pela inovação no setor público, oferecendo qualidade à população e tornando o serviço público moderno e eficiente.

Relacionados

22 DE SETEMBRO DE 2020

Avaliações de projetos da regional de Cascavel seguem até 30 de setembro

Cerca de 50 projetos da regional de Cascavel, no Oeste do Paraná, serão avaliados pelo...

16 DE SETEMBRO DE 2020

Projetos da regional de Cascavel são avaliados nesta quarta, 16 de setembro

Projetos de Altamira do Paraná, Cafelândia, Catanduvas e Nova Aurora estão sendo...

15 DE SETEMBRO DE 2020

Projetos das regionais de Maringá e Jacarezinho são avaliados pelo PGP-PR

Cerca de 24 iniciativas de nove municípios estão sendo apresentadas.

10 DE SETEMBRO DE 2020

PGP-PR começa avaliação online de projetos

Projetos de Jardim Alegre e Ivaiporã foram avaliados. Os demais municípios estão sendo...

31 DE AGOSTO DE 2020

PGP-PR altera cronograma de avaliação dos projetos inscritos

Análise de Campo já está sendo realizada e seguirá até o dia 9 de outubro. Já a...

13 DE AGOSTO DE 2020

Inscrições para o Pense Agro terminam neste domingo

A maratona de inovação tem o objetivo de fomentar a cultura da inovação na...